Dentro da torre: identidade e “escrita feminina” em Adília Lopes

Sónia Rita Melo

Abstract


Lida numa perspetiva de género, a obra da poetisa portuguesa contemporânea Adília Lopes levanta questões identitárias e subjetivas presentes nas teorizações feministas. Destruindo a autoridade autoral, a escritora constrói-se como autora de poesia, isto é, como poetisa, pondo em causa a instituição literatura e por extensão as próprias normas sociais, culturais e genéricas instauradas. Portadora de uma voz ímpar no panorama literário português, Adília segue os passos de uma linhagem feminina (e feminista) presente, por exemplo, no uso da figura mítica de Mariana Alcoforado.


Keywords


Adília Lopes; género; identidade; “escrita femenina"

Full Text: PDF

Moderna språk - Institutionen för moderna språk - Box 636 - SE-751 26 UPPSALA
ISSN: 2000-3560